O problema

baseado em trecho do livro de Alessandro Buzzo

Aquele beijo de ontem, hoje é uma briga

Nunca havia visto nada igual em dez anos de vida

O tempo passava, enquanto isso seus pais

A cada dia, brigavam mais e mais e mais

Seu pai comprou aquele tênis para lhe presentear

E disse filho, amanhã precisamos conversar

Enquanto sua curiosidade aumentava

Perguntava, mas o seu pai não falava

Tudo bem, deixa isso pra lá

Não é mesmo amanhã o tal dia de conversar?

O dia foi longo aquele teste de futebol

Com fome, cansado, correndo em baixo do sol

À noite ao sair da aula, aquela pressa

Não via a hora de chegar em casa e ter aquela conversa

Sabe meu filho, a sua mãe e eu…

Já não nos damos tão bem e você já percebeu

Não pense que com isso eu vá te abandonar

Mas debaixo do mesmo teto com ela eu não posso ficar

Não dá pra acreditar, onze anos de experiência

Eu até entendo que adultos tenham divergências

Mas lembre-se: continuamos seus pais

Já tentamos demais, mas agora não dá mais

O filho ouvia o pai enquanto ele ia falando

Tentando esconder, mas estava chorando

Tem que ter pulso forte pra sair desse esquema / Problema…

O esforço é grande. Será que vale a pena? / Problema…

O que seria da sua mãe? O que seria da sua casa?

Quem seria o homem dessa casa?

E as contas a partir de hoje: quem pagaria?

O pai continuava falando, mas ele nem ouvia

Milhares de perguntas passavam por sua cabeça

Mas se manterá em pé, aconteça o que aconteça

Todos os objetivos, planos, sonhos se acabaram

Correu pro quarto, onde a mãe chorava, e se abraçaram

A partir de hoje mudaria toda sua sorte

Sua mãe precisava de ajuda, ele tentou ser forte

Precisam um do outro pra sarar a ferida

Com certeza esse foi o dia mais difícil de sua vida

As dúvidas, problemas vieram tudo junto

Abortar a infância e se tornar um jovem adulto

Definitivamente a infância ficou pra trás

O sonho de ser criança já não existia mais 

Aquele beijo de ontem, hoje é uma briga

Nunca havia visto nada igual em dez anos de vida

O tempo passava, enquanto isso seus pais

A cada dia, brigavam mais e mais e mais

Seu pai comprou aquele tênis para lhe presentear

E disse filho, amanhã precisamos conversar

Enquanto sua curiosidade aumentava

Perguntava, mas o seu pai não falava

 

Tudo bem, deixa isso pra lá

Não é mesmo amanhã o tal dia de conversar?

O dia foi longo aquele teste de futebol

Com fome, cansado, correndo em baixo do sol

À noite ao sair da aula, aquela pressa

Não via a hora de chegar em casa e ter aquela conversa

Sabe meu filho, a sua mãe e eu…

Já não nos damos tão bem e você já percebeu

 

Não pense que com isso eu vá te abandonar

Mas debaixo do mesmo teto com ela eu não posso ficar

Não dá pra acreditar, onze anos de experiência

Eu até entendo que adultos tenham divergências

Mas lembre-se: continuamos seus pais

Já tentamos demais, mas agora não dá mais

O filho ouvia o pai enquanto ele ia falando

Tentando esconder, mas estava chorando

 

Tem que ter pulso forte pra sair desse esquema / Problema…

O esforço é grande. Será que vale a pena? / Problema…

 

O que seria da sua mãe? O que seria da sua casa?

Quem seria o homem dessa casa?

E as contas a partir de hoje: quem pagaria?

O pai continuava falando, mas ele nem ouvia

Milhares de perguntas passavam por sua cabeça

Mas se manterá em pé, aconteça o que aconteça

Todos os objetivos, planos, sonhos se acabaram

Correu pro quarto, onde a mãe chorava, e se abraçaram

 

A partir de hoje mudaria toda sua sorte

Sua mãe precisava de ajuda, ele tentou ser forte

Precisam um do outro pra sarar a ferida

Com certeza esse foi o dia mais difícil de sua vida

As dúvidas, problemas vieram tudo junto

Abortar a infância e se tornar um jovem adulto

Definitivamente a infância ficou pra trás

O sonho de ser criança já não existia mais

Anúncios

Sobre Cacau Amaral

Cineasta brasileiro. Direção em 5X Favela; 1 Ano e 1 Dia; Cineclube Mate com Angu; Sociedade Musical Lira de Ouro; Programa Espelho e Aglomerado. https://cacauamaral.com/
Esse post foi publicado em Letras. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s