Arquivo da categoria: Letras

A coisa, a praga, a peste – letra

Somos parasitas Obrigatórios Virus 27 Já falava de mim Vim do latin Como uma toxina fluido Venenoso Agente Infeccioso Nada menos Que um Ácido nucleico Reforçado Com Revestimento proteico Faz muito tempo Que andava por aí Muito antes de vocês … Continuar lendo

Publicado em Letras | Deixe um comentário

O inseticida

  Você viu o que esses pelasaco fizeram com a minha bebida.  A gente não pode cochilar que eles jogam qualquer coisa no nosso copo.  Depois não adianta vir com esse papo de cerca lourenço Não adianta dizer que caiu … Continuar lendo

Publicado em Letras | Deixe um comentário

A natureza

Não perturbe a natureza Deixe ela em paz Valore isso Sempre e jamais Uma planta Cresce contraditória E isso incomoda Parece aleatória Diferente De nosso apartamento Quadrado, quadrado Tão controlado Uma árvore É suficiente Não pode melhorar Não adianta condicionar … Continuar lendo

Publicado em Letras | Deixe um comentário

Os sem direito

Não tinha direito A ter direito Lutava contra o preconceito Mas não tinha direito Apresentava pleito Mas não tinha direito Propunha outro jeito Mas não tinha direito Exigia respeito Mas não tinha direito

Publicado em Letras | Deixe um comentário

Praia do Cachadaço

Tava no Rancho e fui ao Meio. Deu mó receio de tentar atravessar A água batia na pedra e subia. Eu não queria nem pensar escorregar Catei a mochila comecei subir a trilha. Porque na Vila não quero ficar Foi … Continuar lendo

Publicado em Letras | Deixe um comentário

O Garoto

Quando chego do trabalho o meu garoto quer brincar Quando chego do trabalho o meu garoto quer brincar Ele sobe no meu colo, pula de cima do sofá Ele sobe no meu colo, pula de cima do sofá Quando chego … Continuar lendo

Publicado em Letras | Deixe um comentário

Punk rock girl

  Conheci uma garota Que não tinha regras Tudo que queria Era viver a vida Se alguém quisesse Tentasse controlar Tocava um som Começava a agitar Deixe a vida levar Punkrock girl

Publicado em Letras | Deixe um comentário

Mariana

Mariana eu não esqueço você Mariana como poderia esquecer Eu andava tão sozinho procurando um caminho Cheguei até a me perder Ela andava pela rua observando a luz da lua Chamei pra me conhecer Inventei uma desculpa falei sobre a … Continuar lendo

Publicado em Letras | Deixe um comentário

Avenida Brasil

Avenida Brasil é onde passo quase todo dia Avenida Brasil é onde faço tanta poesia   Todo dia bem cedo ainda meio sonolento Andando no ônibus ainda meio sonolento Vejo o vento balançando muitas coisas E muitos ônibus balançando outras … Continuar lendo

Publicado em Letras | Deixe um comentário

Essa mina

Tava de boa sarando a ferida Estava a toa cansado na vida Bebendo na esquina aqui e ali Mas essa mina me chamou pra sair Essa mina me acelerou. Essa mina me acelerou Agora a noite ficou agitada Ela ultrapassa … Continuar lendo

Publicado em Letras | Deixe um comentário